Browse By

Audiência da GloboNews comprova: estamos na era da TV ao vivo

A GloboNews, aos poucos, tem deixado de lado seus programas gravados. Alguns são cancelados, outros, têm menos exibições.

O motivo? A audiência em alta. O canal pago tem batido recorde atrás de recorde, desde as primeiras manifestações políticas pelas ruas, há alguns anos.

Canal Universal exibe Maratona de Chicago P.D. ; com seis episódios da quinta temporada da série

Dali em diante vieram eleições, queda de Dilma Roussef, prisão de Lula, e agora a greve dos caminhoneiros, dentre outras coisas. Ou seja, nos últimos anos, o noticiário tem atraído a atenção dos brasileiros, principalmente por sermos os principais afetados em cada nova rasteira dada pelos governantes.

Não por acaso, diferente de outros anos, as redes abertas não derrubam mais as programações por sensacionalismo envolvendo noticiário policial. Isso nem chama mais tanto a atenção como antes, quando Cidade Alerta chegava aos 20 pontos e liderava.

Conheça a história da novela O Tempo Não Para

Agora, Record, Band e a Globo, se rendem aos acontecimentos políticos. As três são citadas, cabe dizer, pois SBT, RedeTV! e cia, muitas vezes só abrem espaço para rápidos boletins (e perdem com isso, jamais um telespectador que procura notícia vai procurar as duas).

Ou seja, é a era da TV ao vivo. As abertas enxergaram esse potencial no sucesso da GloboNews, e agora correm atrás do prejuízo. A Globo observou isso lá atrás, ao estrear o Hora 1, que elevou a faixa matinal.

Novo jornal da manhã da GloboNews terá apresentação de José Roberto Burnier

Agora a Record, ao perceber que não dá mais para ceder espaço para a IURD em toda a madrugada.

Nesse momento de crise que atinge todo mundo, as pessoas não podem sair de casa. O que resta? Deixar a TV ligada para saber o que está por vir.

Globo e GloboNews são indicadas ao Emmy Internacional de Jornalismo 2016

Em resumo, não é hora de Mais Você, Encontro, reprises de novela, etc. A prioridade é a informação.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *