Browse By

Aos 54 anos, seriado A Feiticeira não envelheceu

O Viva tem apresentado, desde o primeiro semestre, A Feiticeira, seriado de sucesso mundial.

Leia: A magia de A Feiticeira, clássico para todas as idades, de volta no Viva

Veiculada nas manhãs e também disponível no Viva Play, a atração sobreviveu ao tempo, como Chaves e Chapolin, por exemplo.

Leia: Quase cinquentões, Chaves e Chapolin impressionam pela fidelidade e renovação do público

Mas algo difere a produção americana: A Feiticeira não envelheceu, mesmo 54 anos após a estreia. Em uma época com tantas novas tecnologias, é possível conferir o enredo sem notar limitações.

Seja em relação ao cenário, figurino, maquiagem, enfim, qualquer detalhe, A Feiticeira passaria como uma série atual. O que ajuda e muito, é o fato de se tratar de uma trama sobre feitiçaria, o que explica por exemplo o cabelo diferentão de Endora.

Aliás, já que a temática é bruxaria, o programa não faz feio em relação aos efeitos especiais, diferente do que acontece com os citados Chaves e Chapolin, que além de cenários mais humildes e de isopor, ainda faz uso de “remendos” e têm mais “defeitos técnicos” que qualquer outra coisa.

Porém, cabe frisar, perdoáveis: qualquer fã sabe que isso é mero detalhe, não por acaso quase cinquenta anos depois as produções seguem fazendo sucesso mundo afora.

Se Chaves e Chapolin promovem barulho no Multishow, A Feiticeira combina com a grade do Viva, … continue lendo

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *