Após romper com a Netflix, Marvel anuncia quatro novas séries originais no Hulu

A Marvel anunciou quatro novas séries animadas no serviço Hulu (Reprodução)

No ano passado os fãs das séries de super-heróis perderam várias de suas séries favoritas da Marvel na Netflix. Com o fim da parceria entre as duas, Demolidor, Luke Cage e Punho de Ferro não ganharão atualizações – ao menos na plataforma.

Acontece que a Marvel pertence a Disney e, em um momento em que a companhia também investe no seguimento, a continuação do acordo não faria sentido. Até o segundo semestre a empresa lança seu serviço, o Disney+.

Diferente do que se imagina, as séries da editora não estrearão diretamente na nova plataforma. Com a venda da FOX para a Disney, a gigante vira acionista majoritária do Hulu, americana que está em alta e vem lançando grandes sucessos como The Handmaid’s Tale.

Acontece que a empresa do Mickey pretende criar três serviços diferentes e muito bem divididos. Cada um deles atenderá a um público diferente. Um apenas para produções familiares, o outro para séries e filmes para os adultos e uma terceira para esportes.

Com a novidade, a Marvel acaba de anunciar a produção de quatro novas séries para o Hulu. Todas são animadas e baseadas em personagens da Casa das Ideias. São elas Howard the Duck, Hit-Monkey, Tigra e Cristal e MODOK.

E não para por aí: além de cada uma delas ter uma produção própria, eles formarão, juntas, o grupo de The Offenders. É algo parecido com o que a empresa fazia na Netflix com Os Defensores.

O Hulu ainda não está disponível no Brasil e seus produtos acabam sendo distribuídos por outros serviços. As datas de estreia das novas séries da editora com a plataforma ainda não foram anunciadas.

Com informações do site Ligado em Série.

Séries da Marvel na Netflix podem ser salvas

CEO da Disney, Bob Igor concedeu uma entrevista a investidores na última terça-feira (5) e deu mais detalhes sobre seus planos. A ideia é aproveitar muito bem o vasto conteúdo a partir da aquisição da 21st Century Fox. Grandes sucessos como American Crime Story estão envolvidos.

Bob comentou sobre a separação em três plataformas. “Pensamos que atenderíamos melhor ao consumidor separando os três. No fim, nossa meta é ter uma única plataforma tecnológica, para que as pessoas possam criar uma única conta para assinar os três serviços, com o mesmo cartão e a mesma senha”. A boa notícia é que existirão facilidades para os clientes dispostos a assinarem mais de uma das plataformas, incluindo descontos

Como a Disney será dona de 60% do conteúdo do Hulu, a ideia é expandir a plataforma, além de seu lançamento internacional. As produções do canal FX também seriam exibidas no serviço.

“Vemos o FX desenvolvendo e produzindo conteúdo para o streaming do Hulu — talvez não para a Disney, porque não é o tipo de programação de um ambiente de família. Mas a ideia é que o FX produza mais e traga seus conteúdos para o Hulu, enquanto expandimos”, disse.

Desta forma, a ideia de salvar séries da Marvel fica ainda mais óbvia. Os fãs, é claro, estão ansiosos para as próximas novidades da plataforma. Seu lançamento, inclusive, deve acontecer no segundo semestre.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *