Absurdo! SBT pode e a Globo não?

Eu já ia escrever sobre isso hoje e, tendo como base o último acontecido, faz ainda mais sentido essa crítica.

O Ministério da Justiça reclassificou Mulheres de Areia por considerá-la violenta. A questão é: a trama já acabou.

Ontem Maria do Bairro exibiu cenas que certamente a classificação indicativa não permitiria para o horário. Mas é quase certeza que não avaliaram a trama mexicana, caso contrário não implicariam com Mulheres de Areia e permitiriam a exibição no SBT nesse horário.

Soraya Montenegro disparou um tiro contra seu amante. Mostraram o disparo e o cara atirado no chão.

Depois, enfurecida, pegava Calixta  pelos cabelos – eu já tinha comentado aqui sobre essa cena – e joga a mulher no chão, pega pelos cabelos de novo e a joga contra o abajur, estapeia, chama de maldita e aos berros diz “eu vou te matar, eu vou te matar, morra Calixta, morra!!”.

Só para quando a agredida lhe informa que é sua mãe.

Osvaldo reparece vivo e Soraya novamente lhe aponta arma para matá-lo, completamente louca. Eis que ele empurra e ela voa janela abaixo.

Aqui cabe dizer: certeza que era um homem o dublê de Itati Cantoral ahhaahha #fail

E eu pergunto: como essas cenas podem ser exibidas livremente no período da tarde enquanto tentam barra Mulheres de Areia que nem está mais no ar e foi exibida completamente picotada?

Ainda teve as cenas do “suposto estupro” do BBB veiculadas pelas concorrentes da Globo, o jornalismo que volta e meia mostra coisas cabeludas…

Já perguntei isso e nunca encontrei uma resposta: qual o critério da classificação indicativa?

Vou morrer sem saber.

Seja o primeiro a comentar

Faça um comentário

Seu e-mail não será publicado.


*