Além de enfraquecer “Pecado Mortal”, Record vai entregar o ouro para o SBT

Ontem a Record surpreendeu ao anunciar que pretende colocar “Pecado Mortal” para bater de frente com “Em Família”, nova novela da Globo. A coluna entende a medida como um erro, e sugeriu a reexibição de “A Escrava Isaura” às 21h, visando, assim, catapultar os índices de “Pecado”, que tende a se enfraquecer ainda mais competindo com o principal produto da concorrente.
Agora, como se não bastasse essa novidade, o canal também pretende ocupar as faixas das 22h e 23h com as séries “Breaking Bad” e “Once Upon a Time”, sendo que os resultados da primeira estão bem abaixo do esperado, apesar de toda a divulgação feita por conta dessa produção que foi a mais comentada do ano de 2013.
Ou seja, uma série que não emplacou e outra cuja aceitação por conta dos telespectadores ainda é uma incógnita. A consequência é previsível: o SBT tende a assumir a vice-liderança nessas faixas, haja vista que nenhum produto realmente forte será veiculado pela Record – exceto às quartas, noite em que entra no ar “Milagres de Jesus”.
Seriado importado é um tiro no escuro. Ano passado a Globo comemorou os primeiros números de “Revenge” e, algumas semanas depois, já estava picotando a atração para que terminasse rapidamente, pois chegava a ocupar a quarta colocação no ranking do horário.
A própria Record já não repete os índices do passado com “CSI”, enquanto o SBT tirou do ar às pressas “Sobrenatural” e, no finalzinho das tardes, voltou a exibir o “Chaves”, afinal, demais produções não deram audiência no horário.
Será que a Record, antes tão competitiva e com estratégias mais ousadas, realmente pretende dormir no ponto? A conferir.


Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *