“Amor à Vida”: uma novela feita com ajuda do Google!

“Amor à Vida”: uma novela feita com ajuda do Google!

28 de novembro de 2013 10 Por Endrigo Annyston

Simplesmente não sei mais no que Amor à Vida se transformou. Tenho a impressão de que Walcyr Carrasco abriu o Google e jogou as seguintes palavras no sistema de busca: polêmica, preconceito, social. Aí, os 327 primeiros resultados que apareceram, ele resolveu jogar no roteiro, que foram: Homossexualismo, Bissexualismo, Tráfico de Drogas, Traição, Crise da meia idade, Homofobia, Barriga de Aluguel, Adoção de pais do mesmo sexo, Mulher que fura olho do amigo gay, Casal viciado em sexo, Obesidade, Virgindade, Autismo, Órfã milionária, Espiritismo, Cortar ou não cortar o cabelo, Câncer de mama, Amor entre muçulmano e judeu, Jovem interesseiro que namora mulher mais velha, Alcoolismo, Aids, Mulher que apanha do marido, Rejeição, Avaliações do Lulu e claro, tudo isso regado a um diálogo puxado, didático e… meu Deus, com uma pieguice que nos constrange.
Não contente, escolheu o lugar mais coerente do mundo para enfiar um monte de gente desequilibrada: um renomado hospital de São Paulo (tão renomado que até cenário para a gravação de um vídeo do BBB virou!). Agora, imaginem se a história girasse em torno de um hospício? A história iria começar com um bebê jogando a Paloma na caçamba que, anos depois, iria se apaixonar por um Hot Dog da Márcia. 
Bom, eu diria que Amor à Vida virou a mistura do  “Programa Esquenta”  – onde nada rima com nada,  a pura bagunça e a várzea da várzea – com as pautas do Superpop.
No entanto, meus caros, engana-se quem acha que o autor está subestimando a inteligência de seu público! O que ninguém sabe, é que, na verdade, o grande mistério da novela é entender por que raios ela se chama “Amor à Vida”. Em ritmo de BBB, ganha várias estalecas e um discurso do Bial quem souber!  
* Vinicius Cortez – Um jovem publicitário que assiste Amor à Vida todos os dias e se diverte com as bizarrices dessa novela. Afinal, se quisesse aprender algo neste horário, estaria lendo um livro.