The Big C e Parenthood: Bunda, bunda, bunda e bunda

21 de setembro de 2011 0 Por Endrigo Annyston

Pra quem não sabe, quando eu digo que algo é bunda é porque não é bom.

Terminamos a temporada anterior de The Big C com aquele gostinho amargo, afinal, a querida, doida e ranzinza e etc e tal Marlene tinha se matado.

Qual rumo tomaria a série sem ela?

O segundo ano começou bem, tinha a fantasminha camarada, um amigo de câncer para Cathy e tal.

Rolou legal até o Dia de Ação de Graças, depois, a partir daquele bizarro dia do funeral, tudo desandou. Nada salva.

Confesso que não estou mais animado com a produção e se anunciarem que será cancelada não será uma novidade. TBC era sobre humor negro e não de gente mosca morta.

Já Parenthood… que início de temporada foi esse? WTF?

Pra contribuir para a falta de história ainda tinha aquele festival de cabelos estranhos, pra não dizer ridículos.

A sensação?

De que Parenthood ainda não voltou.

E olha que para muita gente essa série iria substituir Brothers & Sisters.

Jamais se os produtores continuarem acreditando que mudar as madeixas seja algo realmente importante,