Blue Bloods: Season finale simples e emocionante fecha mais uma competente temporada

Sei que falo pouco de Blue Bloods, mas é uma das minhas séries favoritas. É muito competente.

A abordagem sobre o dia a dia de uma família formada por policias mas sem tiroteios infundados. Existe história.

É um drama familiar da melhor qualidade, tipo a versão policial de Brothers & Sisters e Parenthood.

E é tão isso que os pega pra capar entre irmãos são frequentes. Dessa vez a coisa esquentou entre Danny e Jamie, saíram no tapa.

Eu acho que tipo deve ser difícil tanto pra Jimmy quanto pra Will Estes. Will, assim como Bridget Moynahan são muito apagadinhos, acaba que só dá Donnie Wahlberg.

O personagem dele já é mais forte e o fato de a atuação deles não ter vida, facilita as coisas para o cara.

Nesse episódio achei que deveriam ter explorado mais esse lance do ataque terrorista. Só que não era o foco, né? A pegada era o dia das mães, por isso o clímax do season finale foi muito emocionante.

Do reencontro da mãe com o filho sequestrado, passando pela conversa entre Danny e Jamie, a pergunta cabeluda de Henry e as palavras de cada um sobre a falecida mãe… uma sequência daquelas!

BB termina o segundo ano redonda, instigante e com fôlego pra mais.

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *