#bluebloods: Não disse que era a melhor estreia? (1X10)

A série Blue Bloods segue como uma grata surpresa nessa temporada das séries. Estreou muito bem e tem mantido o rimo nos episódios seguintes.

E tudo isso com um lado bom: aos poucos os personagens estão ganhando vida e tendo suas histórias exploradas.

Dessa vez Linda, a apagada esposa do “protagonista” Danny surgiu tendo uma crise de ciúmes, totalmente justificável.

De cara, ao ver o bilhetinho com um telefone, ela entendeu que estava correndo “perigo” e virou a cara.

E ele.. bem, estava adorando ser cantado por Sabrina, tanto que até caiu em seus braços e aceitou uma dança, mesmo afastado do quadril, o perigoso quadril.

O que foi esse sujeito querendo que a esposa vestisse uma roupa no estilo que a outra veste?

Aliás, o que mais gostei foi o fato de o episódio não ser previsível: o assassino poderia ser aquele que disse que mataria o rapaz – e aquela cena dele no inferninho? aff rs – ou Sabrina.

Nem um, nem a outra. Era a namorada traída. Ponto para os roteiristas, mais uma vez.



Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *