Com “O Rei do Gado”, teorias sobre audiência perdem sentido

Sempre quando o assunto é audiência e após uma notícia do tipo “atração x registra o pior índice da história”, vem alguém colocando panos quentes.
A ideia é a de que atualmente esses são os números possíveis, que não dá pra ir além disso, que os tempos são outros.
Era assim, por exemplo, com a reprise de O Cravo e a Rosa no ano passado, que levantou o Vale a Pena Ver de Novo e era tida como fenômeno.
O Rei do Gado mostra que as coisas não são bem assim. Se uma dava 15, a outra chega a 20 e levantou as atrações que vêm em seguida.
Ou seja, os programas de hoje não pontuam melhor simplesmente porque não atraem atenção do público. Rei, Chiquititas, Carrossel e  Mandamentos estão aí provando isso e também mais uma vez evidenciando a força das telenovelas no Brasil.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *