Copa Hotel: O Filho do Pai (1×05)

21 de maio de 2013 0 Por Endrigo Annyston

O “hóspede da semana” foi um caso sem graça, um atirador contratado para matar um diplomata da janela do pequeno hotel, mas que com tanto entre e sai no quarto e com tudo sem funcionar, acaba se enrolando. Achei realmente engraçada a história do pudim lhe dar um desarranjo bem na hora do tiro, fazendo os funcionários do hotel lhe garantir a primeira falha na vida.

Já quem não falha há dois episódios é Fred. Ele havia falhado com uma hóspede no primeiro episódio e com Maria no segundo, mas acredito que tenha sido a pressão pela morte do pai e a viagem corrida, já que com a passista e agora com Antonia, as coisas esquentaram e ele foi até o apito soprar.

No mais o episódio continua servindo para desenolver e nos mostrar a relação de Fred e a memória de seu pai, Gastón. É incrível como ele tem de um lado os funcionários, principalmente Adele, sempre dispostos a limpar a moral dele, enquanto Bia e Tavinho só querem vender o lugar e pegar sua parte da herança. É aqui que ela deixa escapar sobre problemas nas contas, o que cai para cima de Mario.

Quero entender as falcatruas que ele faz no hotel, tudo o que ele deve superfaturar e sair com os bolsos cheios. Esse também será o ponto alto da série, visto que no mais tudo tem seguido de forma fria e desgastada, assim como os papéis de paredes do estabelecimento.

A fotografia já não incomoda e as cenas tem um granulado que dá o tom de como é se hospedar naquele lugar, mas diversas coisas do desenvolvimento dos episódios ficam arrastado e não evolui muito bem. A relação de Fred e Maria não empolga de forma a ficarmos divididos entre a médica e a decidida atriz.

Danilo Artimos
Episódios Comentados
– @DanArtimos
– @EpiComTV