Desperate: Ela que vai acabar com o Paul? (7X02)

Segundo episódio muito, muito melhor que o primeiro! E isso é bom.

Bree finalmente vai se tocando que é uma mulher com sentimentos e desejos, não apenas aquela criatura robótica e certinha que ela acreditava ser o ideal. Precisava ser um exemplo, uma “Amélia”.

Além disso, também tem se destacado como atropeladora profissional. Achei um barato Gabrielle descendo a lenha na família Van de Kamp por acreditar ser um “complô” contra os Solis.

Também não teve preço Andrew falando que o aparelho de som do carro era 15 anos mais novo que Bree – e ela afirmando não estar num baile gay pra ele tratá-la assim? hahaha

Falando em Gabrielle, tem cabimento essa criatura achar que traiu Carlos sem se recordar de nada? Sexsônia, jura? E que criatividade e audácia, após anos de casamento achar que vai fazer o marido acreditar em algo assim!

Falando em “pouca vergonha”… Susan já é atrapalhada desde o nascimento, portanto, como uma pessoa assim vai ser sexy? Tinha como não cair na gargalhada quando, após ser surpreendida pelo marido, fez um tremendo show para fechar o notebook e não proporcioanr um “sextape” aos seus espectadores?

Por fim, bem, coitada da Lynette, coloca uma “amiga” dentro de casa que aos poucos vai mostrando as garras e, ao final, descobrimos que além de tudo Renee e Tom tiveram um caso?

E ainda tem Paul e sua esposa que morre de medo dele e… seria ela a fulana que Felícia arrumou pra aprontar com ele? Tem tudo pra ser, apesar que dá pra perceber o medinho que ela sente.

E aí?



Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *