E o Mais Você mais uma vez fez diferença

Nem todos os dias assisto ao Mais Você, geralmente ocorre quando sei que aconteceu algo bacana por uma repercussão na internet ou por pegar algum trecho nas reprises do Viva.

Ontem tive que assistir por recomendação de alguns internautas do Cena Aberta. Disseram que foi lindo, emocionante. E foi.

Ana recebeu a mãe e o irmão de Mércia Nakashima e mostrou como se deve recepcionar pessoas como eles, que tiveram uma grande e dolorosa perda.

Quando a gente fala em sensacionalismo não quer dizer que um fato não deve ser abordado e sim que não de existir um exagero.

Ana Maria teve o cuidado de conversar com os dois com delicadeza e, acredito eu, tentou passar uma mensagem de paz ao falar de Chico Xavier e o espiritismo na sequência.

Não tinha como não se emocionar relembrando o menino João Hélio ou na entrevista da mãe da autora Andréa Maltarolli, que nos deixaram tão cedo. A mãe de Andréa disse tê-la “sentido” pouco antes de falecer. E isso acontece ainda hoje, entre ela e os membros da família.

Ou seja, pessoas que não tem motivos para mentir ou fazer sensacionalismo por conta de sua perda.

Pra fechar com chave de ouro, uma linda mensagem de Chico Xavier, que termina assim:

Embora ninguém possa voltar atrás e fazer um novo começo, qualquer um pode começar agora e fazer um novo fim.

E Chico disse tudo.

Seja o primeiro a comentar

Faça um comentário

Seu e-mail não será publicado.


*