Erros primários de uma faixa que poderia ser de acertos

A cada nova trama selecionada para o Vale a Pena Ver de Novo a discussão sobre escolhas erradas volta a tona. A Globo mais erra que acerta nessa faixa horária e o que se vê, na verdade, é que erra porque quer errar.

Parece fazer de propósito.

Dizem, aliás, que a intenção do Vale a Pena realmente é não dar tanta audiência. Sabe quando você se depara com a notícia do tipo “tal novela em reprise deu mais audiência que a novela das seis ou sete?”. Então, é mico.

Mas o que fazer quando as reprises são mais interessantes que as originais, que são na maioria das vezes o famoso “mais do mesmo”? Não existe originalidade e nem vontade de criar. É isso e ponto.

Aí o telespectador que quer ver uma boa telenovela fica a ver navios. Veja bem: a melhor reprise hoje tem o nome de Por Amor e sua exibição é restrita a quem tem TV paga.

Na Globo a próxima estreia é Sete Pecados, um fiasco da faixa das 19h e que ainda assim é apresentado ao público como um grande sucesso. E é recente, assim como a maioria das escolhas para o Vale a Pena.

É falta de opção? Não.

A Globo poderia muito bem exibir outras opções que seriam excelentes para o horário, como Um Anjo Caiu do Céu ou Estrela Guia.

E sabe o que é pior de tudo? A concorrência global é tão pouca prática que mesmo quando a emissora escolhe títulos fracos para reexibição segue na liderança com o dobro das concorrentes.

Pra que mudar, quando mesmo errando está acertando?

A Globo só se mexe ao se sentir ameaçada. Como não é o caso, deixa como está!

* por Endrigo Annyston



Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *