Espaço Aberto: O final de Cama de Gato

Eu sou implicante, quem não sabe? Se eu gosto, gosto, se não gosto…

Tive paixão a primeira vista por A Favorita na primeira semana de exibição.

Era uma coisa tão frenética que mal dava para piscar e instigava para voltar a assistir no dia seguinte.

Quando virou uma novela comum, desisti. A audiência também caiu.

Depois, pelo que disseram, recuperou o ritmo. Para mim já era tarde.



Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *