“Estou chegando ao meu limite com o SBT”

15 de junho de 2010 0 Por Endrigo Annyston

Gostaria de comentar contigo algo que achei uma vergonha no SBT na noite de ontem.

Adoro a Hebe (que é uma gracinha) e gostava muito de seu programa, mas ontem tive a prova do porque o programa Hebe esta caindo cada vez mais em audiência. O fato das alterações (sem necessidade) que SBT faz em seus horários não justifica. 
Ontem lá estavam: Raul Gil (passo) e Luan Santana (o fenômeno teen das sertanejas) e o resto eu não quis ver. Simplesmente desliguei meu televisor. 
No inicio do programa Luan começou a cantar (até aí estava tudo bem), pois gosto muito deste cantor, porém, quando entrou Hebe e o “novo” contratado do SBT as coisas pioraram. Raul Gil ficou por diversos minutos imitando artistas que já faleceram, falando um monte de abobrinhas e Hebe enrolando, enrolando e não chegava em nada.
Poderia ter explorado mais o convidado musical, saber de seus planos para o futuro, cantar bastante. E com o Raul Gil poderia bater uma papo gostoso sobre a “mudança”, a carreira. Porém o SBT prefere apresentar qualquer lixo ao telespectador, pois sabe que se jogaram qualquer coisa na tela as pessoas ainda irão assistir.
Se os produtores do programa quisessem, poderiam apresentar algo com qualidade a nós, porém, é mais fácil colocar as porcarias na noite de segunda, terça, quarta …
Assim como desisti da Record, estou chegando ao meu limite com o SBT. É uma falta de profissionalismo e de respeito comigo e creio que com todos que admiram os profissionais da casa. Uma pena para Hebe e tantos artistas que lá trabalham pagarem este mico de se sujeitarem a apresentar qualquer coisa na TV.
Mas fazer o que!? Este é o “Q” de qualidade que eles tem a nos oferecer.
* do internauta Angelo de Moraes, via e-mail