Fazer Rir é Coisa de Gente Grande

Não me refiro ao tamanho do porte e, sim, ao tamanho do talento. É, pois um simples rasgar de lábios e estremecer de corpo alegre, não é qualquer um que consegue proporcionar. Eu admiro muito os humoristas, artistas que passam a vida toda levando alegria para aqueles que quase nenhum motivo tem para tal. Mas será que basta apenas querer e pronto, vira-se humorista? E como lidamos com o fato de haver tão poucos profissionais do riso que conseguem, de verdade, nos fazer… Rir?

Podemos contar nos dedos das mãos e dos pés o numero de programas de humor que temos na Tv, mas me diga: Qual deles faz você ter de levantar e ir beber um pouco d’água, depois de um surreal ataque de risos que até te deixa engasgado? Hum…? Eu sei! Nenhum, não é mesmo?

Mas não se culpe. Você não está sozinho. Há uma insatisfação geral com a atual situação do humor nacional.

O que será que acontece? Será que os humoristas de hoje em dia subestimam a inteligência e o senso crítico de seu público?

Casseta e Planeta e Legendários são alguns dos programas que mais me irritam, sinceramente. O primeiro não diz nada com nada, não serve pra nada e não passa recado algum. Totalmente descartável. Já o segundo não tem identidade, não tem conteúdo algum e muito menos faz rir. O que o Mion pensa da vida? Ele ocupa praticamente 80% do programa com aquele “Vale a Pena Rir De Novo”, que é praticamente um bullying com os artistas. Dá vergonha alheia ver os famosos com cara de pastel gorduroso de feira, tendo de fingir que estão adorando aquilo tudo. Mas não, definitivamente eles não estão gostando. Ora pois, isso o programa tendo um “elenco” com mais de dez personalidades, e eu lhe pergunto: Pra que? Aquele grupo Banana Mecânica é horrível, é o Casseta da Record! Sério mesmo que tem gente que acha graça naquilo? E o João Gordo com aquelas entrevistas sofridas e massacrantes? (Vou chamar o Dado Dolabella pra ele). Olha…

 Pra mim falta algo muito importante para todos esses humoristas, falta paixão. Não sei, me parece muito raso tudo o que fazem, parece que querem acabar logo com aquilo e ir para casa tomar cerveja. E não é assim que funciona. Tem de ter algo a mais, tem de ter verdade e identificação para que possam levar ao público um produto de qualidade.

Humor não é palhaçada gratuita, humor é coisa de gente grande!

* do internauta Hugoh

Seja o primeiro a comentar

Faça um comentário

Seu e-mail não será publicado.


*