House termina ainda mais humano (season finale)

House, apesar de seu jeito sarcástico e de ser cheio de “não me toques”, é um personagem humano, apenas tem dificuldades de lidar com as pessoas ao seu redor e por isso vive criando situações para infernizá-las.

Mas o vejo como aquele vilão de novela que mesmo querendo ser a pior pessoa do mundo sempre tem uma recaída e acaba dando mole.

E seu lado humano ficou ainda mais evidente na season finale da série quando ele estava completamente envolvido com a pobre mulher que ficou presa embaixo de um guindaste em meio a outros escombros de uma tragédia que poderia ficar ainda pior caso demorassem para socorrê-la.

E House prometeu que ela não perderia as pernas, também como um reflexo das dificuldades que enfrenta com as suas.

Prometeu mas não poderia cumprir, e foi preciso Cuddy lhe dizer umas boas verdades para que caísse na real e percebesse que sim, é um grande médico mas passa longe de ser mágico – e bem sabemos o quanto Cuddy mexe com nosso herói.

Após uma traumática remoção das pernas da moça, veio a angustia de vê-la morrendo em sua frente. Se sentindo sozinho, por Wilson estar voltando com a ex e por Cuddy ter dado um fora nele, correu se refugiar em seus remédios.

Mans, era mentira, Cuddy estava sem a aliança porque, como ele suspeitava, realmente havia terminado com Lucas… e eis que a temporada chega ao fim com um apaixonado e aguardado beijo entre os dois. E não era sonho, House descobriu depois.

Há um porém: a season finale foi perfeita, porém a temporada atual ficou devendo e muito, apenas alguns episódios salvaram.

Fica a expectativa de que o romance entre Cuddy e House dê um novo ritmo… ou não, diria Caetano Veloso, afinal de contas a temporada anterior teve um super final com House se internando em uma clínica e depois, bem, nada aconteceu.

Aguardemos.



Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *