Hung: Ray usa a cabeça de cima também (2X02)

Já comentei aqui o quanto Ray está se tornando mais humano, especialmente depois que virou um garoto de programa agenciado por Tanya e agora disputado a tapas por Lenore.

O cara, além de proporcionar prazer com seu mastro – como disse a grávida – quer entender as mulheres e tentar ajudá-las, mesmo que perca dinheiro com isso. Quase um psicólogo – e é possível que o fato de sua ex-esposa precisar de seus serviços pode ter contribuído para isso.

Depois de quase querer namorar uma cliente que lhe deu um fora, agora tenta entender o motivo de a grávida safadinha fugir do marido.

E, ao mesmo tempo, ele foge de um comprometimento maior que apenas sexo com a vizinha.

Quem entende?

A questão é que a grávida quer apenas brincar no playground. Entenda Ray!

E tem coisa mais hilária que pensar que vai reviver o dia no boliche, um passeio romântico com a ex, e ela chega com filhos, ex-sogra e novo marido de companhia?

E Tanya tentando convencer a coroa de que ela precisa transar?

Agora, vejam bem, se não dá pra entender Ray aconselhando sobre algo que ele mesmo não quer – comprometimento – o que é Lenore desapontada por Tanya ter ido se encontrar com a cliente sem ela?

Tipo, olha quem fala!

Em resumo, segunda temporada melhor e mais completa que a primeira.

É visível o crescimento de Hung, sem duplo sentido.



Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *