Marcelo Antony diz que a Record não tem cacife para bancá-lo. Sério?!

Da série me belisca e diz que não estou dormindo: ontem, foi divulgado que Marcelo Antony pediu 100 mil para protagonizar Josué e a Terra Prometida.
Hoje, ele diz que a Record não tem cacife para bancá-lo. Sério, um ator inexpressivo, que faz sucesso exatamente como diversos outros (por ser considerado um rostinho bonito), pedindo 100 mil e ainda querendo se passar.
Ainda se fosse um Tony Ramos ou Antonio Fagundes. Em 2013, ele reclamou do texto de Walcyr Carrasco em Amor à Vida. Sim, muito ruim, o autor é irmão gêmeo de Tiago Santiago, mas estava de acordo com o trabalho desempenhado por Marcello.
Não à toa, ficou queimado e não teve o contrato renovado com a Globo.
Lembram da meleca que foi a atuação dele em Passione em um papel importante? Puro vexame.


Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *