Me fez sentir: Tragédias que emocionaram #retro2011

O ano de 2011 começou, novamente e pra variar, com uma tragédia provocada pelas enchentes na região Serrana do Rio de Janeiro.

Naquela ocasião uma imagem chocou e, ao mesmo tempo, emocionou o Brasil: Dona Ilair era puxada por uma corda por vizinhos ao mesmo tempo em que tentava salvar seu cachorrinho e via sua casa ser levada pelas águas. Tipo, tudo ao mesmo tempo.

Meses depois novamente essa senhora que viveu um milagre fez sentir ao ganhar uma casa no Caldeirão do Huck. O que ela desejava? Ter seu cachorrinho ali com ela, no novo lar. Foda!

Em meados do ano outra tragédia, dessa vez não era natural: um jovem invade uma escola em Realengo e sai fazendo disparos. Diversos mortos e feridos como resultado.

O motivo? Bullying.

Foi difícil ver aquelas crianças ensanguentadas lutando pela vida ao mesmo tempo em que era preciso tentar entender o processo que levou esse rapaz a cometer toda essa atrocidade. Uma história que tinha dois lados e que não foi fácil para nenhum deles.

Impossível encontrar nas ruas quem não tenha “sentido” ao se deparar com essas duas situações que marcaram negativamente 2011.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *