#Medium: Allison, obrigado… e adeus! (series finale)

Eu aceitei o cancelamento de Medium. Acho que sete é um número bom de temporadas para uma produção que teve trajetória linear ser encerrada, com a vantagem de estar em uma de suas – se não for a melhor – fases.

E o final?

Quando vi tive a sensação de que muita gente ia detestar e, confesso, também fiquei super feliz quando Allison reencontrou Joe.

Mas gente, a vida não é feita de alegrias em todo o tempo, ou seja, de um jeito ou de outro vamos lidar com a morte, perderemos alguém que é super importante.

Veja bem: Allison lidou com isso todos esses anos, tem até lógica enfrentar a perda do próprio marido, por pior que seja!

Por que as produções precisam ter um final feliz? Olha, eu me irritei com o final do longa Enterrado Vivo, mas acho justo que nem sempre o “the end” seja um “happy and”.

E… bem, o de Medium foi sim feliz, com um reencontro entre Allison e Joe que formaram um dos casais mais lindos da história das séries – uma família que sempre foi uma das mais gracinhas.

Durante todos esses anos eles nos emocionaram, alegraram e nos fizeram companhia e… quantas vezes não nos assustamos com Allison e seus sonhos?

Mas como eu disse estava meio que “preparado” para o final, tinha aceitado, só que…  quando percebemos que realmente acabou é que a ficha cai, né?

E com esse”the ende” tenso e emocionante, foi difícil fechar a torneirinha.

O lado bom? Assim como Ugly Betty, Friends e outras produções, Medium é o tipo de série que merece ser vista e revista.

Obrigado Patricia Arquette, outras estrelas do elenco, roteiristas e demais responsáveis pela série. Deixa saudade e o gostinho de dever cumprido!



Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *