Men Of a Certain Age: Felizes para sempre? (1X10)

Temporada chegando ao fim com diversas lições e crescimento dos protagonistas.

Joe parece estar acordando para as melecas que anda fazendo de sua vida. Perdeu Sonia, Dori e agora estava arriscando perder os próprios filhos, juntamente com Albert que tanto precisa dele.

De que adianta ter uma baita casa sem ninguém ao seu lado?

Owen, surpreendemente, se tornou um excelente vendedor em seu novo emprego e, diferente do que acontecia na empresa do pai, ganhou elogios e incentivos. E sua alegria irritou o pai.

Quer dizer, acho que o fato de saber que Owen não iria se curvar diante de todas as suas decisões o irritou. Ou seja, que graça tem a empresa se é um estranho que vai tocá-la? E quem ele vai perturbar afinal de contas?

Já Joe, ou Mané, injustamente foi julgado. Se ele foi incentivado a gravar pela namorada, qual o motivo do pé na bunda?

Quem devia julgar são os vizinhos, esses sim prejudicados por sua ausência. Mas, vamos combinar, o que é aquela japinha doida? E a merda em que ele literalmente se enfiou? Coitado!

E ainda teve que ouvir diversos desaforos dos “amigos do cinema”.

Agora… Owen chefe e Terry trabalhando com ele? Joe tentando não jogar mais?

A temporada acabou, entretanto, impossível não sentir o gostinho de que vem meleca por aí. Muita meleca.

Men of encerrou uma feliz temporada. A produção cresceu e tem tudo para ser ainda melhor no segundo ano.



Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *