Morde & Assopra: História de Dulce atinge o clímax

5 de setembro de 2011 0 Por Endrigo Annyston

Dulce investiu tudo o que tinha no filho e quando ele chegou na cidade descobriu que não era aquele menino pelo qual nutria tanto orgulho. Era um interesseiro.

Ela foi enganada e só depois de algum tempo descobriu toda a verdade.

Como boa mãe tentou de todas as formas fazer com que Guilherme mudasse, inclusive obrigando-o a cuidar do próprio filho e vender cocadas na praça.

Era evidente que estava se tornando um novo rapaz, até que uma nova oportunidade de ganhar dinheiro facilmente surgiu e o amadurecimento conquistado foi por água abaixo.

Quer dizer, foi por pouco: na hora “h” Guilherme desistiu de fazer a maior caca de sua vida, se ajoelhou aos pés da mãe, pediu desculpas e mais, que Dulce não desistisse dele. Como mãe, ela disse que não desistiria.

Foi uma das cenas mais lindas de toda a novela, tão bonita que até Kléber Toledo que não é péssimo, mas também não é um ótimo ator, conseguiu emocionar.

Guilherme e Dulce chegaram ao ponto alto, o momento decisivo de suas histórias.

Morde & Assopra caminha para a reta final e a impressão é óbvia: após o clímax, Guilherme agora caminha para ser um homem melhor, o sonho de Dulce.

Sabe, eu quase desisti dessa novela por conta do forróbodó que virou a personagem Naomi, mas voltei atrás a tempo de apreciar essa linda cena.

M&A, com toda sua simplicidade, é tocante.

O drama de Dulce é uma lição de vida e Cássia Kiss, bem, ela é um presente. Sempre.