O bandido que dorme na casa da vítima e a esperteza dos ladrões

Hoje pela manhã peguei o finalzinho do Bom Dia Brasil e o início do Mais Você.

No jornalístico bandidos que fraudam caixas eletrônicos.

A novidade?

Eles invadem a agência, abrem os caixas, inserem sacos que seguram os cartões e também colocam um celular dentro dos aparelhos de telefone que servem para os usuários comunicarem algum erro à agência.

O que acontece? Acabam ligando para os bandidos que conseguem com facilidade a senha. E eles já tinham o cartão, capturado no saco.

A conclusão?

Os bandidos são mais inteligentes e especializados que o pessoal que trabalha com segurança.

Ou seja, a faculdade da rua prepara mais que as oficiais.

No Mais Você uma mulher que chegou em casa, entrou, dormiu e só no dia seguinte percebeu que um homem entrou junto, dormiu por ali, tomou café da manhã e tentou roubá-la.

I-m-a-g-i-n-e-m uma coisa dessa, é literalmente um “dormindo com o inimigo”.

O que admira é ele não ter feito absolutamente nada e ainda ter deixado um molho de chaves e algumas moedinhas.

Em resumo, você tem que tomar cuidado quando o semáforo está vermelho porque pode aparecer um ladrão, cuidado quando vai sacar dinheiro no caixa eletrõnico, em diversos outros lugares e também retomar aquele hábito de infância, sabe qual?

Olhar embaixo da cama. Pode não ter um fantasma, mas vai que tem um bandido que entrou junto com você?

Seja o primeiro a comentar

Faça um comentário

Seu e-mail não será publicado.


*