“O Dentista Mascarado” é de uma tremenda falta de noção

Como transformar uma série cuja estreia foi fantástica em um dos produtos mais sem noção da TV brasileira em apenas três episódios?

Difícil encontrar a resposta, mas Fernanda Young e Alexandre Machado estão dando conta do recado. “O Dentista Mascarado” perdeu boa parte da graça na segunda semana e, na última sexta, simplesmente foi ao ar com um emaranhado de situações bizarras.

A começar por aquela dentadura com câmera que estava auxiliando os “super heróis” da série. A coisa estava tão feia que nem Taís Araújo salvou dessa vez e, na semana anterior, Sheila tinha carregado o episódio nas costas.

Se Young e Machado tivessem mantido a pegada da estreia, “O Dentista Mascarado” tinha tudo pra ser uma produção do mesmo nível de “Os Normais”, maior sucesso da dupla de roteiristas.

Ledo engano, se equipara a trabalhos recentes e sem apelo como “Como Aproveitar o Fim do Mundo” e “Macho Man”. A inspiração entre o casal está tão em baixa que a avaliação cabe aos trabalhos recentes de Fernanda no GNT: desde que deixou o “Irritando Fernanda Young” ela não conseguiu mais a mesma repercussão. “Duas Histéricas” e “Confissões do Apocalipse” eram abaixo da média, aquém do que ela pode fazer.

O resultado disso se reflete na audiência: as últimas produções no GNT não repercutiram e “O Dentista”, após duas semanas com audiência satisfatória, 17 pontos, caiu para míseros 12 na última sexta, mesmo com o “Globo Repórter” fechando com 21 pontos, um de seus melhores índices em 2013.

E pensar que Taís Araújo, que como dito acima é a que mais se destaca e diverte no elenco, abriu mão de suas férias acreditando no projeto. Se os próximos episódios forem no mesmo nível, é possível dizer que a atriz embarcou numa furada.

Detalhe: Marcelo Adnet, Leandro Hassum e cia não estão comprometendo, estão dentro dos personagens. O problema é o texto que não diverte. Está tudo muito forçado, falta naturalidade. E ainda tem a Helena Fernandes, eles colocaram a mulher para ficar rindo feito uma hiena, o tempo todo. Não sai disso.

A vantagem é que a temporada está apenas começando e ainda dá tempo de reverter a situação. A conferir.

* Artigo publicado originalmente na coluna A TV em Cena, do RD1. Acesse!

One thought on ““O Dentista Mascarado” é de uma tremenda falta de noção

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *