O Dentista Mascarado perde a graça no segundo episódio

Procurei não escrever sobre a estreia de O Dentista Mascarado porque parecia muito bom pra ser verdade. Ainda mais quando levo em consideração que as últimas séries de Fernanda Young e Alexandre Machado não me agradaram.

O Dentista, no entanto, teve um primeiro episódio no mesmo nível de Os Normais. Seria, portanto, a primeira vez que conseguiriam tal façanha.

Confesso que nunca achei a menor graça em Marcelo Adnet e não acompanhei sua trajetória na MTV. A impressão que tive é que muitos ficaram esperando o “Adnet da MTV” na Globo e saíram decepcionados. Na estreia, gostei do que vi tanto com relação ao humorista quanto os demais.

No segundo apenas Taís Araújo se salvou. Da situação da câmera, passando pelo laxante e terminando no banheiro, com Sheila sendo flagrada por Paladino.

O restante, extremamente dispensável. Adnet, Leandro Hassum, Diogo Vilela, Otávio Augusto. Dava pra aproveitar a risadinha da Helena Fernandes, mas, vamos combinar? Colocaram a mulher pra fazer uma hiena? Ela só faz isso.

A temporada está apenas começando, ou seja, os roteiristas ainda tem tempo de pensar em episódios no nível do primeiro, caso contrário, será mais uma série com potencial desperdiçada pela dupla, tipo Macho Man.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *