Querer, poder e conseguir: isso faz total sentido

1 de setembro de 2011 0 Por Endrigo Annyston

A “geração Xou da Xuxa” conhece essa frase e sabe o significado.

A gente tem que sonhar, ter realmente vontade e ir atrás, insistir, e… colher os louros.

E eu sou teimoso.

O que eu queria dividir é que finalmente acertei a mão e fiz um talharim perfeito.

É difícil?

Não, os ingredientes são poucos, o segredo, entretanto, está em encontrar o ponto certo da massa.

Nas outras vezes que fiz não ficou ruim, porém, tive trabalho exatamente por não tê-lo achado.

Aconteceu domingo e fiquei feliz da vida.

Eu tinha comprado uma “fábrica de massas” do ShopTime e meio que tinha me aborrecido quando fui estrear pois não consegui fazer o macarrão sair prontinho e bonitinho.

Como já disse, não estava no ponto certo, mas, de qualquer forma, a vontade era jogar a “fábrica” na parede.

Umas três semanas depois, ou um mês, resolvi tentar de novo e fiz em menor quantidade, receita para apenas uma pessoa.

E saiu, tirei até fotos para registrar porque foi algo que eu realmente queria aprender pois é um prato que minha avó fazia e que eu sempre adorei, portanto, tinha vontade de reproduzí-lo e nunca consegui fazer igual.

Insisti e consegui.

A receita do Talharim é básica: para cada ovo utilize 100 gramas de trigo. Mas se esqueça desse detalhe: cada ovo tem um tamanho diferente e, portanto, requer quantidades diferentes de trigo. O ideal, portanto, é conhecer o ponto certo do talharim pois só assim terá um saldo positivo como eu consegui. Você precisa ainda de uma pitada de sal e uma colherinha (sal) de azeite. Misture tudo, encontre o ponto e deixe a massa descansar antes de abrí-la e cortar em tirinhas. O cozimento é o mesmo de qualquer outro macarrão industrializado!

Aí ontem estava assistindo ao Mais Você e vi uma matéria de outra coisa que eu adoraria saber fazer, mas, por ser muito estabanado, deixo quieto.

Um dia pode ser que eu faça um curso pois acho realmente fantástico o que as pessoas conseguem fazer com coisas que poderiam ser jogadas no lixo e que podem e devem ser reaproveitadas.

É sobre isso o video. Não é inspirador? Vejam:

Também recomendo esse video sobre objetos construídos com madeira de demolição: