Record: muitos planos, pouca ação

Semana passada, assim como a Globo, a TV Record reuniu a imprensa e publicitários para lançar sua “nova” programação.

De novo, mesmo, só o Got Talent. Mas estrearam diversas novidades nos últimos tempos, né? Tipo Cidade Alerta e Programa da Tarde (?).

Nesse encontro reiteraram seu desejo de ultrapassar a Rede Globo e lançaram uma nova meta: cinco anos.

E já faz mais ou menos quanto tempo que estão a caminho da liderança? Oito anos?

Confesso que houve um período em que pensei que a Record realmente seria capaz de superar a poderosa. Mas, tal qual a Manchete e o SBT, só deram um susto.

Susto que fez a Globo acordar de seu sono de beleza. Desde então, está procurando se reinventar.

E a Record caiu do cavalo. Apelou daqui e dali e o máximo que conseguiu foi se reaproximar do SBT.

Acho que, mais que uma meta, a Record precisa de uma identidade, ter um foco.

Oo vão cair do cavalo, de novo.



4 comentários em “Record: muitos planos, pouca ação”

  1. Como diz o outro,não cutuca a onça com vara curta, é bem assim que a Reclone fez, ela fez o maior "auê" pra nada, apenas fizeram a Rede poderosa Globo, acordar de seu sono de blza para colocar a mão na massa, a Reclone quando um programinha de "mer**" passa a Rede Globo eles fazem um alarde que parece que foi a maior vitória do mundo, mas não notam que a outra tem credibilidade e a palhaça da história é ela. Na atual fase que encontra essa emissora tenho simplesmente nojo de passar pelo canal, prefiro mil vezes o patinho feio que a Reclone News.

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *