Record tira a máscara e finalmente se assume como sensacionalista de primeira

Chegou ao fim o embromation da Record.

Após se livrar de parte de seus contratados por considerá-los brega (Raul Gil, Claudete Troiano, etc) e tirar o Cidade Alerta do ar porque queriam uma programação de qualidade, resolveram regredir.

Surgiram boatos de novas conversas com Raul Gil e agora a amplamente divulgada recontratação de Datena para a volta do policiaresco.

O retorno do “brega” não muda a vida de ninguém, no entanto, o acerto com Datena faz com que a emissora tire a máscara que por tempos usou para disfarçar – sem disfarçar de fato – essa dita programação de qualidade que teve vida curta.

Todos sabemos que pela ânsia por crescer rapidamente apostaram com todas as forças em sensacionalismo para alavancar a programação.

Tiroteios, perseguições e afins viraram estrela de última grandeza nos telejornais e nas novelas.

Coincidência ou não, astros da Globo que tinham apostado na rede dos bispos voltaram para o plimplim e, veja que coisa, Ana Paula Padrão em um momento de entrega total “confundiu” o Jornal da Record com o Nacional. Ou seja… ai como eu queria voltar!

O “engraçado”, devo dizer, é divulgarem a contratação de Datena com os dizeres “Aqui se faz jornalismo de primeira com equipe de primeira”.

Como se José Luís Datena, hipócrita como ele só – vivia detonando a Record, além de criticar todo mundo e não aceitou críticas de Tiago Leifert, etc) fosse de primeira ou se o jornalismo do canal fosse pelo mesmo caminho.

A verdade, no final das contas, continua sendo uma só: a Globo não tem concorrentes no Brasil e, se tem, concorre com si mesma através do Canal Viva.

Continua tentando Record, vai que cola?



4 comentários em “Record tira a máscara e finalmente se assume como sensacionalista de primeira”

  1. Levanto a mão pro céu,agradeço a Deus,me ajoelho e digo bem alto:TENHO A INCRÍVEL CAPACIDADE DE NÃO QUERER ASSISTIR DATENA,FACCIOLE E CIA.Estarei vendo coisa boa de verdade,então,podem soltar os cachorro no canil porque vou estar em um sofisticado zoológico vendo coisas que realmente são interessantes e de bom gosto.

  2. Agora só falta a emissora assumir seus prejuízos e dizer que os rombos são cobertos com o dinheiro da Igreja Universal.

    Está e a emissora dos bispos.

    Eu acho que a emissora está despesperada, pois há dias seus números na média dia estão entre 6 e 7, vencendo com dificuldade o SBT que que oscila entre 5 e 6.

    Tudo isso porque a Globo parece que acertou a mão e que continue acertando, afinal essas emissoras pouca prática não merecem crescimento. Seria o mesmo que gratificar a incompetência.

  3. Durou pouco a estratégia (?) da busca pela qualidade desta emissora. Tirei o chapéu quando tiveram a coragem de substituir Cidade Alerta, a maior audiência da emissora na época, pelo Tudo a Ver, um dos melhores programas já feitos na TV! Mas do jeito que a Record levou sua estratégia depois disso, até que demorou para o Cidade Alerta retornar…
    André San – http://www.tele-visao.zip.net

  4. Concordo com numero, gênero e grau.

    Como você mesmo mencionou ele vivia tancando o pau na record, e ontem no programa do gugu só faltou lamber o saco dos diretores da emissora.

    Pois bem, eu gosto dele como apresentador.. mais pra mim, perdeu o pouco de credibilidade que tinha.

    O Faccioli que nada tem haver com isso, é quem se deu bem. Eu achei que ele soube conduzir muito bem o "Brasil Urgente" ..

    Sinceramente, espero que o Brasil Urgente continue vice, e o cidade alerta fique em 3° ou 4° lugar.

    Programação de qualidade a record nunca teve, teve no máximo, vez ou outra, uma boa programação… Mas sempre pensando mais em audiência do que em lógica.

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *