Retrô: Um problemão chamado #Gugu

Ano passado quando começaram os boatos envolvendo a contratação de Gugu pela Record tudo parecia realmente isso: boatos.
Depois começaram as polêmicas, ele foi chamado de traíra e, em um clima pesado, mesmo contratado pela emissora concorrente seguiu apresentando o Domingo Legal até ser liberado pelo SBT.
Estreou em alta, fez bonito, dando para a Record a certeza de ter acertado. Só não sabiam, no entanto, que a festa duraria tão pouco.
Se a ideia era ameaçar o Fantástico isso ficou no papel, afinal o Programa do Gugu durante várias semanas amargou a quarta posição com apenas oito pontos, perdendo para SBT e Rede TV!.
Ou seja, uma produção de milhões perdendo para duas outras modestas.
Agora, após todo o mico, Gugu vai mudar de horário com a desculpa esfarrapada de que seu público dorme mais cedo. A questão, no final das contas, é que as emissoras tem dificuldades em perceber o real motivo do fracasso de suas atrações.
Se sambar pela grade fosse realmente bom, Record e SBT já teriam desbancado a Globo faz tempo. Não é o caso, né?
* publicado originalmente em 29 de maio de 2010


Seja o primeiro a comentar

Faça um comentário

Seu e-mail não será publicado.


*