Revenge na Globo: Segundo episódio bom e boboquinha – Trust S01E02

22 de abril de 2013 3 Por Endrigo Annyston

Fico um tanto quanto em cima do muro com relação ao segundo episódio de Revenge.

Duas cenas me deram a sensação de estar vendo uma série adolescente boboca: o video de Nolan que derrubou Bill e a reação de Declan com o pai, primeiro ao agredí-lo verbalmente e depois, sem nem questionar o que tinha acontecido, foi correndo procurar ajuda. Bem estranho.

O lado bom é que o desenvolvimento de outras situações foram interessantes.

Adorei o chá entre Emily e Victoria, especialmente essas falas onde a vingadora deixa claro seu pensamento sem que a outra entenda o que realmente ela quer dizer:

“Meu pai sempre disse que nosso passado nos define”

“Diria que nossas escolhas nos definem”

“Talvez para os sortudos. Mas, as vezes, na vida, não dos dão a chance”

Madeleine Stowe como Victoria é um achado. Assim como Emily VamCamp. As duas conseguem traduzir tudo que estão sentindo apenas com o olhar.

Ambas se odeiam, os motivos são diferentes. Ao mesmo tempo, tentam passar a imagem de boas amigas. Adoro essa falsidade.

Também não sei qual o real jogo de Nolan, mas achei interessante essa proximidade, entretanto… a cara que ele fez quando Emily desceu do carro deixou algo no ar.

A propósito, já que falei de Nolan de novo: meio nada a ver Bill resolver apostar tudo o que tem confiando em uma “desconhecida”, não?

E Emily realmente teve um caso com o ex de Lydia? Conrad lhe dará o dinheiro?

OMG! Parece que tô vendo uma novela mexicana.

Até aqui Revenge continua mostrando ter pegada, mas eu gostaria ainda mais se a produção tivesse uma postura mais adulta.