Rodrigo Bocardi estreia cru no comando do Bom Dia SP

Rodrigo Bocardi estreia cru no comando do Bom Dia SP

6 de maio de 2013 5 Por Endrigo Annyston

Aconteceu na manhã desta segunda-feira, 06, a anunciada estreia de Rodrigo Bocardi no Bom Dia SP após toda a polêmica que ocorreu no processo de troca de comando na bancada do telejornal da capital paulista.

Desde o anúncio da saída de Carla Vilhena as informações a respeito de Bocardi tratavam sobre sua falta de preparo para assumir a bancada. O jornalista passou todo esse período treinando e  sua estreia foi inclusive adiada por conta disso.

Após esse primeiro dia a frente do Bom Dia SP, fica evidente que Rodrigo Bocardi ainda está cru, totalmente dependente do teleprompter. Esse recurso deve ser menos utilizado em jornais onde o apresentador está em pé. TP é mais indicado para bancada.

Estar em pé significa ter mais desenvoltura para lidar com as câmeras, telão, convidados no estúdio. Significa, acima de tudo, improvisar mais.

Nervoso e sem traquejo, Bocardi ficou devendo.

A Globo errou ao não ter dado tempo de o jornalista se aprimorar. A impressão é a de que, “do dia para a noite”, resolveram que ele assumiria o informativo.

O correto, neste caso, seria, num primeiro momento, deixar Rodrigo com algumas apresentações do Jornal Hoje, aos sábados. A cobrança seria menor e ele poderia ter o estúdio em seu currículo.

Rodrigo Bocardi é um dos melhores repórteres da emissora, quanto a isso, não há o que discutir. Sua desenvoltura nas ruas é excelente, não a toa a emissora lhe escolheu. Mas ainda vai precisar de mais alguns dias para encontrar o tom certo.

Por enquanto, a impressão é a de que Glória Vanique, que comanda o Radar SP, “engoliu” o jornalista.