Sabe o que estou fazendo?

Estou com horários vagos.

Tenho assistido pouca coisa na TV aberta. Basicamente as únicas coisas que assisto religiosamente são Mulheres de Areia, A Vida da Gente e Força Tarefa.

Aí que esse ano resolvi não repetir o erro do ano passado, ou seja, não me liguei a tantas novas séries e, por isso, como algumas estão fazendo uma paradinha básica e só voltam ano que vem, tenho diversos horários disponíveis.

Ah, e os filmes que estão saindo também pouco me interessam.

Eis que… me deu vontade de rever Will & Grace, uma das melhores comédias que já assisti. Já tinha revisto Friends, Old Christine e agora chegou a hora do meu quarteto querido. Nunca mais tinha visto após o series finale.

O lado bacana?

Como eu via pela TV paga e isso acarreta em todo aquele problema de mudança de horário, falta de uma sequência lógica por causa das reprises e momentos em que a gente acaba tendo outros compromissos e perde alguma coisa, acabei realmente não assistindo tudo. Naquela época eu dependia totalmente do televisor.

E eu bem sabia que de Will & Grace basicamente não tinha visto nada do início.

Fiquei surpreso ao saber que essa produção já nasceu pronta. Achava que Jack e Karen foram crescendo com o tempo mas desde o comecinho eram cheios de trejeitos e loucuras.

E até já tinha Rosário, mesmo que ainda só tendo o nome citado, sem aparecer em cena.

Ou seja, boa do início ao fim.

Pra quem ainda não viu ou pra quem tem saudade, faça como eu. São poucas as comédias que mantém o frescor mesmo quando revistas.

Morro de rir mesmo do que já vi… a piada nunca fica velha!



Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *