Sangue Bom perde público a cada nova semana; culpado é o Cidade Alerta

Sangue Bom perde público a cada nova semana; culpado é o Cidade Alerta

3 de junho de 2013 1 Por Endrigo Annyston

Sangue Bom teve um capítulo sensacional nesta segunda, um dos melhores desde a estreia. Teve a agilidade que tanto cobramos e deixou muitos ganchos para amanhã.

Érico tá tipo (…) e mal pago. Além de demitido, após fofoca de Fabinho, ainda flagrou a noiva nos braços de Tito.

Em outra sequência, um acidente aproximou o mesmo Fabinho da mãe. A novela terminou com ele repetindo “mãe, mãe” insistentemente, com Irene aparentemete não entendendo nada.

E ainda tem a bomba que Madá aprontou para a filha Barbara Elen e o embate entre Giani e Amora.

Quem sabe com essa pegada a trama de Maria Adelaide Amaral consiga contornar a trajetória de queda. A cada nova semana a telenovela perde pontos.

Como informa Patrícia Kogut, fechou a primeira semana com média de 25,33.

Foi a 24,33 na segunda, 24 na terceira e 23,33 na quarta. Um resultado nada bom, ainda mais porque a Globo estava cheia de expectativas para o folhetim depois do fracasso de Guerra dos Sexos. E por Maria Adelaide vir do sucesso TiTiTi.

As quatro primeiras semanas de “Sangue bom” renderam à Globo média de 24,25 pontos, mais que “Guerra dos sexos”, que no mesmo período teve 22,91. No primeiro mês, ambas registraram suas maiores audiências: 28 pontos. O menor índice de “Sangue bom” foi 22. Já sua antecessora chegou a marcar 16 no mesmo período.

A jornalista justifica a baixa com a alta do Cidade Alerta, que registrou que foi de 7,8 em abril para 8,2 em maio.