Tá na hora de a Globo parar com essa palhaçada

Glória Perez trouxe para a faixa das 21h a Arca de Noé, “metade” do elenco da Globo está ali.

O resultado??? Segundo levantamento do UOL, tem gente que sumiu há t-r-ê-s meses.

Cristiana Oliveira, por exemplo, não dá as caras desde 15 de janeiro. André Gonçalves parou em um pouco antes, dia 11.

E a Narjara Turetta? Será que ela pode mesmo comemorar o fato de ter parado de vender coco? Sumiu em 27 de fevereiro e, mesmo quando aparece, está mais pra figurante.

Aí vem a notícia que Amor à Vida, próxima novela de Walcyr Carrasco, terá entre 80 e 100 personagens, somando as participações especiais.

Será mesmo que, depois do erro com Salve Jorge, a Globo pretende cair na mesma cilada??

Não apenas por isso, vale lembrar que Morde & Assopra foi enxugada, lembram? Parte do elenco foi dispensada após algumas semanas no ar.

O que será de Arca de Noé 2?

6 thoughts on “Tá na hora de a Globo parar com essa palhaçada

  1. É engraçado pois isso acontece com quase todos os autores das 21H: Manoel Carlos,Glória Perez, Aguinaldo Silva..

    A Globo parece não notar isso. Será que eles pensam que novelas gigantescas ainda fazer sucesso? Senhora Do Destino, por exemplo, tinha centenas de personagens e deu certo. Tudo depende muito do autor. Alguns sabem lidar com o excesso de personagens e outros não.

    Só que o Walcyr já mostrou que não consegue trabalhar com muito personagens. Será que vai repetir o erro ou vai tentar fazer o mesmo esquema de Insensato Coração?

  2. A interferência da Globo nas novelas deve criar um clima insalubre para os autores e tem feito com que a criatividade passe longe das produções da tv aberta.
    Os autores acabam criando sinopses pensando naquilo que o telespectador quer ver e sabemos que o público rejeita mudanças no esquema tradicional das telenovelas.
    O medo de não atingir as metas estabelecidas faz com que muitos personagens sejam criados num esquema de incubadora. Se o personagem cair no gosto do público, será desenvolvido, se não, será abortado ou passará a trama fazendo figuração.
    É preciso rever este conceito de supervalorização dos números, ou continuaremos a assistir as mesmas histórias com roupagens diferentes.
    Eu não aguento mais a história da mocinha injustiçada e da vilã enlouquecida, numa reedição sem fim das fábulas das bruxas e das princesas.

  3. Acontece o seguinte: os atores e atrizes ficam ligando pro autor, puxam o saco, choram as pitangas, imploram para pedir uma boquinha na novela dele. Aí, o cara pra não ficar mal com a pessoa ou por dó, quebra o galho e encaixa ela na trama. E quando vai ver já tem uma pá de gente.

  4. mas gente, muitos personagens numa novela não significa fracasso, basta o autor saber lidar bem com isso. a própria glória perez já escreveu outras novelas "super populosas" que deram certo, como américa e caminho das índias, mulheres apaixonadas do maneco tinha elenco gigantesco e foi um sucesso estrondoso, a prórpia senhora do destino do aguinaldo silva que já citaram…
    se o autor escreveu um grande numero de personagens porque realmente tem uma historia pra todos eles muito provavelmente o enredo vai dar certo, agora se escreveu só pra dar emprego pros coleguinhas, aí a tendencia todos sabemos qual é…

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *