Ti Ti Ti: Conheça o misterioso Victor Valentim

22 de junho de 2010 0 Por Endrigo Annyston

Persistência é o seu sobrenome, mas malandragem também poderia ser. Em Ti-ti-ti, nova trama das sete da Rede Globo que estreia em julho, Ariclenes (Murilo Benício) ou Ari, como costuma ser chamado pelos amigos, é o tipo de pessoa que tem o velho ditado popular como um lema para sua vida: “a esperança é a última que morre”. Mesmo depois de perder em pouco tempo a pequena fortuna que ganhou na loteria, Ari insiste em se dar bem e sonha em que vai voltar a ser rico.

Na juventude, Ariclenes se casou com Suzana (Malu Mader) e eles tiveram um filho, Luti (Humberto Carrão). O relacionamento não deu certo, devido principalmente aos devaneios de Ari, que hoje vive da pensão da ex-mulher, já que ela se tornou editora da importante revista Moda Brasil. Como o seu objetivo é dar a volta por cima e provar que ele também pode brilhar, Ariclenes segue em busca de ideias inovadoras para ser um homem de sucesso ou melhor, um sortudo que vai ganhar dinheiro fácil mais uma vez, já que trabalho não é com ele.

Ari tem a grande sacada de sua vida quando conhece uma moradora de rua (Regina Braga) e consegue ver o que há de tão especial nessa maltrapilha: os figurinos de suas bonecas. Vagando pelos cantos com uma boneca na mão, a senhora explica para Ari que o brinquedo é uma suas princesas e mostra a original coleção de vestidos, deixando-o absolutamente encantado. Ao pegar um boneco imponente, ela o apresenta: este é Victor Valentim, “o mais belo e corajoso príncipe da Espanha”.

Pronto! Era o que faltava para que o plano mais genial se concretizasse na cabeça de Ariclenes: aproveitar o dom criativo desta senhora para entrar em grande estilo no território de seu maior inimigo de infância: André Spina (Alexandre Borges), que se tornou Jacques Leclair, um estilista de roupas de festa bem-sucedido. Além de ter a chance de derrubar seu grande desafeto, Ari vê nos figurinos uma grande fonte de lucro.

Novela de autoria de Maria Adelaide Amaral, Ti-ti-ti  tem estreia prevista para julho. A direção de núcleo é de Jorge Fernando e direção de Marcelo Zambelli, Maria de Médicis e Ary Coslov.