Tony Ramos mostra o que o torna Tony Ramos

Fiquei muito feliz lendo a entrevista de Tony Ramos na revista Época, provando o que o torna Tony Ramos, diferente de muita gente que pensa que é alguma coisa – e pensa isso pela vida inteira.

Bem, eu sei da minha importância. Detesto falsa modéstia, como detesto a humildade subserviente, mas não gosto de me colocar num pedestal. Sou profissional, adoro o que faço, mas eu não me levo a sério. E não gosto nada desse falso glamour que é atribuído à vida do artista hoje em dia. Eu não sou uma celebridade. Celebridade é Shakespeare, é Tom Jobim! É claro que quando eu saio na rua algumas pessoas me param, pedem autógrafo. Mas faço tudo normalmente. Vou ao supermercado, ao cinema. E gosto de ser próximo das pessoas. Os paparazzi me respeitam. Outro dia eu estava na praia e um deles me perguntou se podia tirar uma foto. Eu disse que sim. Interessante ele não ter simplesmente fotografado.



Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *