Trombone: Funcionários da Record teriam votado em enquete de série para atrapalhar o SBT?

26 de janeiro de 2010 21 Por Endrigo Annyston

O resultado na audiência de Gossip Girl para mim foi o esperado, abaixo de Sobrenatural, mas é muito cedo para dizer se vai dar certo ou não.

Eu já assisti na TV a cabo a serie Gossip Girl e confesso que não gosto de seriados deste gênero, por isso nem perdi meu tempo assistindo no SBT.

Acho que o SBT não errou e errou.

Não errou por que fez uma votação democrática em seu site, deixou claro ao telespectador que ele iria escolher a serie que iria substituir Sobrenatural. O internauta escolheu, e não assistiu?

E errou por quê? Levaram em consideração somente os votos dos internautas. Se consideramos a população brasileira que assiste a emissora e não tem acesso a internet, podemos sim chegar à conclusão de que o método usado pelo SBT desconsiderou a população sem acesso e que deveria opinar também.

Um sistema do tipo SMS ou telefone comum poderia agregar na escolha.

Teoria da conspiração:

Lembro como se fosse hoje o episodio que fizeram no blog do Ale Rocha, Poltrona TV: “Após criticar a Record, Poltrona recebe comentários anônimos vindos da emissora”.

Quem me garante que pessoas de lá não votaram propositalmente na série Gossip Girl no site do SBT justamente com o intuito de colocar CSI para concorrer?

Eu testei as enquetes do SBT e posso dizer que o sistema era instável. Votei diversas vezes na série que eu queria, bastava limpar os cookies ou até mesmo trocar de navegador.

* do internauta Dois Clicks