Um ingrediente que torna uma telenovela ainda mais especial

1 de março de 2013 18 Por Endrigo Annyston

Semana passada o Reviva foi sobre musicas que embalaram telenovelas. Conversaram com Sidney Magal por conta do sucesso da abertura de Rainha da Sucata e José Augusto, responsável por Aguenta Coração.

O segundo, aliás, é um dos campeões de temas em folhetins. Ele, Roupa Nova, Lulu Santos, Rita Lee, Ana Carolina e alguns outros.

Sempre que o assunto é novela, e começamos a puxar na memória algumas cenas, automaticamente vem a tona o tema de abertura ou a canção que embalou algum casal.

Não dá pra pensar em Nando e Milena de Por Amor sem ouvir mentalmente Palpite e Só Você.

E os sucessos de Regina Duarte? Num piscar de olhos estamos ouvindo Dona, Coração Pirata…

Tem aberturas clássicas como as de Renascer, Mulheres de Areia, Tieta, cujas imagens casaram com a música e, hoje, é meio que um “neném sem chupeta, Romeu sem Julieta”.

Da mesma forma, os temas de séries. Beverly Hills 90210, Friends, Dawson´s Creek, Sex And The City, Weeds, A Feiticeira, Jeannie é um Gênio… Chaves, Punky, e etc e tal!

É uma lista que simplesmente não tem fim!!

Em contrapartida, admiro o fato de o Reviva ter veiculado a fala de um dos entrevistados. O cara coleciona LP´s e CD´s de telenovelas e disse que atualmente não compra ou raramente leva pra casa um CD de telenovela.

Disse que o nível caiu muito, não existe mais aquela qualidade. E é verdade.

Acredito que, nesse sentido, apenas as novelas de Manoel Carlos seguem com trilhas impecáveis e isso, muito por “culpa” do autor, que faz questão de participar da escalação das canções. E ele tem um gosto ímpar.

Na ânsia por agradar a tal “classe C” e aumentar as vendagens, hoje as trilhas estão tão desinteressantes quanto as próprias novelas.

Será que a geração de hoje será saudosista? Eles terão alguma coisa pra se lembrar?

Tenho minhas dúvidas.