Uma Década em Dez Dias: Rede Record

A Record é aquela que nadou, nadou e morreu na praia, né?

Veio toda embalada se achando o máximo com o slogan “a caminho da liderança”, bombou horrores em audiência, passou o SBT e de repente deixaram de lado toda a qualidade que estavam buscando e optaram por sensacionalismo para conquistar mais rapidamente o gosto do público.

O resultado? Voltaram a cair e a Globo abriu vantagem.

Não se pode negar, entretanto, que essa década foi muito importante para a Rede Record, foi quando saíram do “limbo televisivo”.

De canal que praticamente não existia, fizeram investimentos, conquistaram telespectadores e trouxeram nomes de peso para o casting. Apesar dos pesares, a Record de hoje é muito melhor que a de anos anteriores.

Acredito, contudo, que é o momento de uma reflexão, repensar o que foi feito, conquistado, reavaliar os próximos passos.

A liderança não cai do céu e não deve ser uma fixação e sim consequência de um trabalho sério.



Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *