Viver com Fé emociona e faz pensar

5 de abril de 2012 0 Por Endrigo Annyston

Estreou ontem no GNT uma das promessas da nova temporada do canal, o Viver com Fé com Cissa Guimarães.

Achei o primeiro bloco bem parado e confesso que estava pensando em desistir, afinal, de início não ficou claro porque Clara e Ronys foram escolhidos para abrir a temporada.

No segundo bloco tudo começou a mudar, especialmente no caso de Clara.

Seu marido,  Thomas, desejava um casamento mas era descrente com relacionamentos porque nenhum em sua família dava certo. Encontrou Clara.

Quando tudo parecia bem, sua irmã se suicidou e ele se culpou por isso. Mas a esposa estava grávida, descobriu em seguida, e isso trouxe um certo alívio.

Logo veio a notícia que o pai dele deu um tiro nele mesmo.

Um novo recomeço. Mas a vida ainda tinha uma nova provação para o casal: em um acidente ele perdeu o movimento das pernas.

Sem deixar a peteca cair, se tornou um campeão de sky aquático.

Se Clara já tinha emocionado o suficiente com sua história de vida e fé inabalável, ainda encerrou o programa dizendo belas palavras para Cissa. Nem preciso dizer o motivo, né?

Não gosto de UFC, mas vi com bons olhos o fato de Ronys entrar em cada competição ao som de uma música evangélica.

Simples e tocante, eu definiria assim o Viver com Fé, mas destacaria especialmente o fato de nos fazer pensar em nossas próprias vidas, reavaliar os nossos “problemas”.

As vezes reclamamos tanto e quando temos esse encontro com a realidade percebemos que estamos fazendo a famosa “tempestade em copo d´água”.

Vale assistir!

“Andá com fé eu vou que a fé não costuma faiá”