Weeds: Já na lista das melhores séries da minha vida (quarta temporada)

5 de agosto de 2011 1 Por Endrigo Annyston

Consegui terminar a quarta temporada de Weeds e fiquei surpreso com um lance.

Tinha lido alguns comentários sobre México e não entendi muito bem o que era, mas algumas pessoas se diziam decepcionadas com a série se passando no país ou algo assim, não estavam curtindo.

Pois eu discordo, ao menos na quarta temporada achei que Weeds ganhou e muito mudando o plano de fundo. Não precisavam, mas os roteiristas tinham boas ideias para manter a atração interessante e conseguiram.

Adorei o buraco escondido, Nancy tentando levar uma vida séria, El Andy, Guilermo e os mexicanos bravinhos, o filho mais novo e todo despirocado de Nancy, Izabel… gente, e o que é Celia?

Eu preciso, preciso destacar o trabalho de Elizabeth Perkins, um ACHADO!

Celia presa, depois toda maquiada e enfeitada, surrada… solta e desdentada, totalmente cheirada e etc e tal.

Uma das personagens mais completas que já vi em todos os tempos.

E até a expressão facial dela mudou, em dado momento estava idêntica a Joan Cusack (Shameless).

Ah, também adorei o lado caliente de Nancy com o prefeito.

E agora, a mulher tá grávida, que vai rolar? LA MUERTE?

Vou conferir.