Coração Indomável

Saiba o que acontece no resumo de Coração Indomável de 23 a 27 de julho nos capítulos 136 ao 140

Coração Indomável – Capítulo 136, segunda-feira, 23 de julho
O advogado Navarro diz a Otávio que, com a declaração da própria Maricruz como culpada, a única coisa que ele pode fazer é tentar minimizar a pena. Álvaro vê Maricruz no jornal sendo acusada de assassinato e decide investigar a história. Dominga leva Maricruz até sua cela e a orienta que obedeça o regulamento, pois os castigos para as rebeldes são bem severos. Pedro se surpreende ao saber que Maricruz está na cadeia. Em sua cela, Carol reconhece Maricruz. Nilda promete a Mudinha que ajudará sua irmã, pois acredita que ela é inocente. Maricruz pede a Carol que não lhe dirija a palavra, pois não deseja ter contato com ela. Na fazenda de Simone, Santa e Amador veem José Antonio cair do cavalo e ser arrastado pelo animal. Carol e Carmela decidem fazer a vida da nova prisioneira um inferno. No hospital, Esther ouve do médico que seu marido corre risco de vida e pede permissão para operá-lo. Cira oferece sua amizade a Maricruz. Na cela, Carmela pede a Maricruz um cigarro e ela nega. Teresa expulsa Carmela da cela. Otávio diz a Dóris que todos partirão daquele lugar, caso Maricruz seja declarada culpada. Dissimulada, Dóris visita Maricruz e diz que pagará os honorários de seu advogado. Maricruz não aceita a ajuda da rival e Dóris responde que Otávio se zangará com a desfeita, e fala sobre seu casamento com Otávio.

Capítulo 137, terça-feira, 24 de julho
Dóris diz a Maricruz que gosta de Lupita como se a menina fosse sua própria filha. Maricruz responde que não liga de Otávio se casar come la, porém jamais aceitará o fato de Lupita ficar com eles. Maria diz a Santa que deixará o País. Dóris observa Otávio entrar na cadeia. Maricruz pede que Teresa diga a Otávio para não mais procurá-la. Otávio comenta com Dóris que sua amada não o recebeu e que certamente o odeia. No refeitório da cadeia, tentam provocar Maricruz, Carol agride Carmela e Teresa aparece para separar a briga. Dominga aconselha Maricruz a tomar cuidado, pois Carol tem autoridade entre as detentas. Nilda, Mudinha e Pedro visitam Maricruz. O advogado informa a Otávio que a pena mínima que Maricruz pode pegar é de 10 anos de reclusão. Otávio se convence de que Maricruz é inocente e decide continuar a visitá-la, mesmo contra sua vontade. O Advogado Navarro diz a Maricruz que não se importa com os honorários, mas que irá ajudá-la, pois acredita em sua inocência. Aníbal diz à Natasha que sua consciencia o atormenta por ter matado Afonso. Álvaro e o advogado Navarro se encontram na cadeia e se cumprimentam.

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *