Resumo Escrava Mãe – 15 a 19 de agosto

Capítulo 55 – Segunda-feira, dia 15 de agosto (S.50)
Maria Isabel continua tensa com o bebê no colo. Guilherme e Loreto estão no solar da condessa. Tozé caracterizado de Carlota Joaquina. Guilherme e Tozé cumprimentam a condessa que pede para que se retirem do local. Maria Isabel coloca a criança numa caixa e observa um trabalhador que leva as mercadorias. Acontece o velório da tia Elza e Maria Isabel chega perturbada e se surpreende ao ver o que está acontecendo e dentro de casa reclama. Beatrice repreende Maria Isabel e diz que não deveria ter ficado fora de casa no momento difícil. Beatrice mostra um papel para Maria Isabel e diz que é o testamento que tia Elza deixou para a família. Almeida se aproxima e pergunta sobre o que se trata. Beatrice revela que tia Elza deixou Maria Isabel como única herdeira. Belezinha implora para que Miguel convenca Nestor de desistir da trupe de teatro.  Belezinha comenta com Miguel que tia Elza morreu e ele fica em choque. Petúnia se esconde na pensão com a ajuda de Dália e Violeta descobre e se espanta. Átila surge no solar da condessa e diz que gostaria de ter uma conferência com ela. Miguel vai até a casa de Beatrice, oferece condolências à família pela morte de tia Elza e pergunta por Maria Isabel. Tozé não atende Átila e se retira. Ao entrar no quarto,  já sem peruca, vê Filipa e Rebeca que estão juntas conversando. Tozé suplica para que Filipa não comente nada do que viu. Maria Isabel tem um pesadelo com tia Elza e Custódio. Juliana está deitada na cama, chove muito. Alguém entra no quarto sorrateiramente, Juliana se vira e vê Miguel completamente encharcado. Juliana se assusta e pergunta por que ele está ali. Miguel diz que é porque a ama.

Capítulo 56 – Terça-feira, dia 16 de agosto (S.51)
Juliana fica feliz em ver Miguel. Ela pega uma toalha e pede que ele tire a camisa encharcada. Beatrice está chocada com diante de Maria Isabel que revela ter se entregado a Miguel. Juliana está feliz, ao sentir os carinhos de Miguel. Tia Joaquina conversa com Tito Pardo que Maria Isabel não vai deixar Miguel e Juliana em paz. Guilherme conversa com Dr. Pacheco e diz que teme por Catarina e a condessa de tramarem uma tomada de poder. Zé Leão procura por Petúnia na pensão da jardineira. Petúnia está escondida no quarto de Violeta. Catarina está pensativa e dá um longo suspiro de tristeza. Tozé conversa com Catarina sobre os soldados que estão do lado de fora sob forte chuva e aguardam pela saída da condessa. Catarina não dá atenção a Tozé e se concentra numa outra forma de continuar as buscas pela irmã. Almeida encontra Esméria e manda todos saírem da senzala e acorrenta Esméria. Tito pardo encontra Esméria encolhida num canto que chora sozinha e pergunta o que aconteceu e pede para limpar os pulsos feridos. Miguel está na cama abraçado com Juliana e diz que abrirá uma gráfica com o professor Átila. Juliana conversa com tia Joaquina que reprova o encontro dela com Miguel. Rosalinda está furiosa diante de Dália, Violeta que permitiram que Petúnia se escondesse na pensão. Urraca chega cedo ao velório de tia Elza e Maria Isabel estranha. Filipa conversa com Átila sobre um documento que Rebeca leu sobre os mesmos direitos entre homens e mulheres. Átila reprova e Filipa se decepciona. Miguel caminha pelo porto e contra um pequeno barco e confere com uma numeração. Miguel encontra um homem que conheceu seu pai. Esméria arruma um buquê de flores e Juliana pede pra ajudar. Esméria conta que o buquê é do casamento de Maria Isabel. Juliana se espanta e diz que esse casamento não pode acontecer. Maria Isabel surge por trás. Almeida está com Teresa, Urraca e Beatrice, todos vestidos para o enterro. É quando Quintiliano invade a casa, descontrolado e aponta uma arma para Almeida.

Capítulo 57 – Quarta-feira, dia 17 de agosto (S.52)
Quintiliano está decontrolado com a arma apontada para Almeida. Urraca se coloca ente Almeida e Quintiliano para protege-lo. Quintiliano se distrai com a entrada de Tomás e Genésio e Almeida toma a arma de Quintiliano. Juliana está tensa diante de Maria Isabel. O homem entrega alguns documentos a Miguel que fica atordoado com a caixa cheia de documentos. Juliana desafia Maria Isabel que deveria evitar o constrangimento de ser negada por Miguel diante de toda família e deixa Maria Isabel furiosa. Quintiliano acusa Almeida de sabotar o barco com a mercadoria. Maria Isabel chega para ver o que acontece e reage alamarda com o que ouve. Maria Isabel fica completamente atordoada, Teresa entra no quarto e estranha. Teresa diz que no barco que afundou também tinha pessoas e Maria Isabel grita com Teresa para que cale a boca e se descontrola. Juliana comenta com Tia Joaquina que viu Esméria machucada e Teresa perguntou se tinha visto o Almeida na noite passada. Beatrice tenta consolar Quintiliano que a chama de traiçoeira e sai atordoado. Beatrice exige a Almeida que conte a verdade. Loreto e Guilherme precoupados com a partida da princesa na calada da noite. Almeida está no gabinete e Urraca chega. Urraca discute com Almeida e diz que foi enganada. Almeida pergunta se Urraca ficou orgulhosa e ela dá um tapa no rosto de Almeida. Átila está arrumando uns livros e de repente Miguel chega com uma caixa de documentos e pede para Átila ajuda-lo a decifrar tudo. Juliana tenta ir até Miguel para avisá-lo da pretensão de Maria Isabel, mas tia Joaquina não deixa. Quintiliano chega em casa arrasado e é consolodo por Tomás e Filipa. Rosalinda vai até a casa de Urraca e elas discutem por causa de Jasmim. Urraca está arrasada por causa de Almeida e começa a chorar. Rosalinda se compadece e ampara Urraca. Tia Joaquina procura por Miguel e avisa sobre Juliana que está apaixonada por ele e que não será fácil se desvencilhar de Maria Isabel. Miguel garante a tia Joaquina que não fará mal a Juliana. Almeida está na mesa com Teresa e Beatrice ouve eles conversarem e se aproxima e começam a discutir. Almeida se irrita e de repente Guilherme chega e discutem. Juliana conversa com Sapião e pede desculpas por ter dado esperanças e se abraçam. Maria Isabel chega com o buquê na mão e o pároco ao lado dela. Maria Isabel diz aos dois que o casamento dela com Miguel não vai acontecer, mas o dela com Sapião vai e joga o buquê pra Juliana. Miguel vasculha os documentos diante de tia Joaquina e encontra uma lista de nomes africanos e encontra o nome da mãe de Juliana e ficam chocados.



Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *