Troféu Imprensa deveria concorrer na categoria Melhor Humorístico

Não dá pra levar o Troféu Imprensa a sério, e a crítica logicamente vale também ao Melhores do Ano. A premiação do SBT serve como entretenimento, já que garante boas risadas por n motivos, a começar por Silvio Santos.
Especialmente afiado, ontem ele detonou meio mundo, inclusive atrações/contratados do SBT. Atuando como um dos “críticos”, antecipou quem merecia/iria ganhar, e desceu o sarrafo no que considerava ruim.
O Pânico, antes seu queridinho, foi chamado de lixo; Falou que não conhecia o portal MSN; Pisoteou a jornalista Ligia Mesquita; criticou as posturas polícias de Danilo Gentili e Rachel Sheherazade;

http://adrequisitor-af.lp.uol.com.br/uolaf.js

E o Cocoricó, há séculos sem ser produzido, concorrendo como melhor infantil de 2015? Como aceitar Sabrina Sato, Patrícia Abravanel, Caio Castro e Guilherme Winter disputando? Além de outros nomes… esse negócio do público da internet eleger os concorrentes é o fim da picada!
Mas, como parte dos críticos selecionados para votar são também criticáveis, fica difícil. O que foi Décio Piccini dizendo que como Marília Gabriela e Jô Soares estão saindo da TV significa que os programas deles estão ruins? Dentre outras barbaridades.
Tudo isso, fora Eliana, mais uma vez dando indireta em Faro. Ela repetiu 500 vezes que em seu programa só tem alegria. E as pessoas banguelas no Beleza Renovada, que são detonadas nas ruas? Aquele chororô em quadros de reencontro, dentre outros? Sinceramente, esse povo que come mortadela e… me irrita.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *